Entrevista

foto de Vinícius Renato Thomé Ferreira

Vinícius Renato Thomé Ferreira

Doutor em Psicologia Clínica pela PUCRS e professor da IMED / Faculdade Meridional (RS).

Além de agregar conhecimento, a leitura abre as portas da nossa imaginação e funciona muito bem como um refúgio para os problemas do dia a dia. Os entusiastas de biblioteca revelam que ler tem poderes mágicos e pode ajudar na cura de diversas doenças. E sabia que eles têm razão? Médicos e psicólogos indicam a leitura para aliviar sintomas de diversas patologias.  A prática já ganhou até nome: biblioterapia clínica – ela busca aliviar angústias pessoais, estimular emoções, promover o diálogo e ajudar pessoas com insônia.

Biblioterapia é um termo criado por médicos norte-americanos durante a Segunda Guerra Mundial. Nessa época psiquiatras que acompanhavam as tropas americanas notaram que os soldados feridos, que tinham acesso à leitura, e liam muito durante sua recuperação no hospital, tinham uma evolução melhor, em diferentes tipos de problemas de saúde, comparados àqueles que ficavam sem nada para fazer.

Só para se ter uma ideia, hoje em dia, a VA (Veterans Administration) entidade que cuida da saúde dos militares norte-americanos possui um extenso manual de biblioterapia, com indicação para várias doenças psiquiátricas, além de disponibilizar biblioterapêutas para seus pacientes. No material da VA há indicação de uso da leitura específica para tratar depressão, ansiedade, distúrbio bipolar, transtorno obsessivo compulsivo, esquizofrenia, dependência química, programas de bem-estar, prevenção de várias doenças, distúrbios sexuais, e claro, em estresse pós-traumático.

Não só na experiência do VA, mas também em outros centros de pesquisa e universidades do mundo, o emprego da biblioterapia em psicologia e psiquiatria tem sido crescente.O psicólogo Vinícius Ferreira, professor da IMED/Faculdade Meridional (RS), conta para nós que a leitura também pode indicar formas de treinar o cérebro, para se tornar melhor em atividades que exigem compreensão e concentração. A seguir confira nossa entrevista com o profissional e descubra mais sobre os benefícios da leitura para a sua saúde.

- Por que ler traz bem-estar mental?

“A leitura é para a mente o que o exercício físico é para o corpo. Através de boas leituras, mantemos o cérebro funcionando, e desta forma ajudamos a preservar seu bom funcionamento. O prazer de uma boa leitura vem do fato de que ler estimula a imaginação, a memória e o raciocínio, e isso é fundamental para a saúde mental”.

- Leitura à noite pode ajudar a combater insônia?

“Uma boa leitura à noite pode auxiliar num sono agradável. Para isso, é interessante não efetuar leituras que gerem emoções fortes ou ansiedade, pois o sono pode até mesmo ficar agitado. Uma leitura mais leve auxilia na indução do sono”.

- Para quem é indicada essa terapia?

“A leitura em si é indicada para todas as pessoas. Entretanto, por orientação profissional, podem ocorrer casos em que a leitura é indicada, tais como na ocorrência de acidentes vasculares cerebrais (AVC) ou no caso de problemas com memória e quadros demenciais, por exemplo. Nestas situações, a leitura é uma poderosa ferramenta para manter o cérebro em atividade, potencializando sua recuperação ou retardando o avanço dessas doenças. Outras situações específicas podem ser avaliadas”.

- Profissionais como psicólogos, educadores, bibliotecários e assistentes sociais, quando bem preparados e treinados, podem aplicar a terapia por meio de livros. Como funciona?

“Podem. Esta indicação, em casos específicos, deve ser feita por profissionais treinados e que avaliam que a indicação de leituras é necessária para determinadas situações. Para isso, é necessário efetuar um curso específico na área.

- A Biblioterapia pode diminuir a ansiedade, depressão, fobias e até mesmo melhorar a autoestima entre diversos tipos de público e faixas-etárias?

“A leitura pode auxiliar a pessoa através do autoconhecimento. Na medida em que refletimos sobre nossos comportamentos, e sobre o que nos faz agir desta ou daquela forma, temos melhores condições de avaliar o que desejamos fazer com nossas vidas. Assim, a leitura também pode ser um agente de modificação de comportamento, se ela levar a pessoa a pensar sobre sua vida e sobre o que deseja para si. Assim, podem ocorrer mudanças comportamentais que melhoram a qualidade de vida, reduzindo a ansiedade, estresse e outros sintomas. Mas, claro, sempre é importante lembrar que é essencial ter a orientação profissional, caso estes sintomas permaneçam de forma contínua e trazem prejuízos importantes para a pessoa”.

- Que outros benefícios pode trazer a leitura terapêutica?

“O principal benefício trazido pela leitura terapêutica é a possibilidade de manter o cérebro funcionando. Além disso, ela permite que a pessoa possa ampliar seus conhecimentos e aplicar este aprendizado em seus problemas atuais, auxiliando a planejar um futuro melhor”.

Newsletter


BLOG MAIS VISTOS


CAC 2012 – Plantar sonhos para colher um mar de rosas

CAC 2012 – Plantar sonhos para colher um mar de rosas

Leia Mais
Mantendo o brilho e a suavidade dos cabelos tingidos

Mantendo o brilho e a suavidade dos cabelos tingidos

Leia Mais
Carinho e dedicação para cuidar da sua saúde

Carinho e dedicação para cuidar da sua saúde

Leia Mais
É tempo de renovar, sonhar e acreditar que os sonhos podem se realizar

É tempo de renovar, sonhar e acreditar que os sonhos podem se realizar

Leia Mais

SIGA-NOS